Mercedes faz recall de quase um milhão de veículos no mundo

A Mercedes-Benz está fazendo recall global de cerca de um milhão de veículos devido a um possível defeito no sistema de freios, disse a autoridade federal de transportes (KBA), de acordo com a agência de notícias "AFP".

Em comunicado, a KBA destacou que o recall envolve modelos de SUV fabricados entre 2004 e 2015, das classes ML e GL e a minivan de luxo R-Class.

Do total de veículos, 70 mil unidades estão na Alemanha. Ainda não há informações exatas de quais países podem ser antingidos.

Veja: 11 vezes em que Bolsonaro tentou, sem sucesso, reduzir preço dos combustíveis

Entrave: Decreto de calamidade que poderia abrir espaço para subsídio a diesel opõe ala política do governo a equipe de Guedes

Combustível: Mesmo em queda pela segunda semana seguida, diesel acumula alta de 28,7% nos postos no ano

“A corrosão no freio pode, na pior das hipóteses, levar à interrupção da conexão entre o pedal do freio e o sistema de frenagem”, disse a KBA. "Como consequência, o freio de serviço pode parar de funcionar."

A Mercedes-Benz confirmou o recall em um comunicado enviado à AFP, dizendo que a medida foi baseada em "análise de relatórios isolados de certos veículos".

No comunicado, a montadora destacou que podem ocorrer problemas "em casos raros de corrosão muito severa". Assim, explicou que "em caso raro não seria possível desacelerar o veículo através do freio de serviço. Assim, o risco de colisão ou lesão aumentaria"

A empresa disse que "começaria com o recall imediatamente" e entraria em contato com os proprietários dos "veículos potencialmente afetados".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos