Michele Bolsonaro reclama de live do presidente e recebe críticas

·1 minuto de leitura

A primeira-dama Michelle Bolsonaro criticou, na quinta-feira, a transmissão ao vivo feita pelo presidente Jair Bolsonaro com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuelo, e aproveitou para dar uma alfinetada no enteado e vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). No post da live no perfil do presidente no Instagram, ela escfreveu:

"LIVE QUE NÃO TEM ACESSIBILIDADE @jairmessiasbolsonaro não merece curtida. Respeito (Carlos) pela comunidade surda".

A Live ontem teve tradução em libras, mas no Instagram a tradutora acabou cortada por causa do formato da imagem na rede social. No Facebook e no Youtube, é possível assistir à tradução simultânea.

Em vez de apoiarem a boa causa da primeira-dama, a maioria dos internautas preferiu criticá-la.

"Criando problemas desnecessários...fala diretamente com o Carlos e resolve no particular...não gostei não! Como s eisso fosse um crime!!!", criticou o perfil @aleazevedo13.

A internauta @gracianecolares considerou o comentário de Michele de desnecessário. E afirmou: "Se tivesse interesse em ajudar, era só direcionar a comunidade surda para o Youtube, mas preferiu vir aqui expor o marido e o enteado, que com certeza fez sem querer, sem perceber. Mas seu comentário cheio de maldade foi totalmente querendo!

Já o perfil @aurelia_da_assunçao_barrigana diz defende CArlos Bolsonaro, diz que "não é a toa que Carlos não gosta dela e não confia", e pede para que o vereador cuide do presidente.

E o @rreaderr aproveitou para perguntar sobre os depósitos de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro e suspeito de operar esquema de rachadinha, na conta dela: "E os 89 mil na tua conta merece quantas curtidas?