Microsoft quer criar um Xbox do tamanho de um pen drive

Xbox: xCloud sendo demonstrado através do aplicativo para celular da Microsoft (INA FASSBENDER/AFP via Getty Images)
Xbox: xCloud sendo demonstrado através do aplicativo para celular da Microsoft (INA FASSBENDER/AFP via Getty Images)
  • Similar a um Chromecast, ideia é reproduzir os jogos em nuvem em qualquer TV com entrada USB;

  • Xbox Everywhere também visa desenvolver um aplicativo para as smart TVs;

  • Jogabilidade em nuvem é a nova fronteira a ser explorada pelas fabricantes de videogame.

O jornalista especializado em videogame e tecnologia, Tom Warren, afirmou em sua conta no Twitter que a inclusão gratuita do Fortnite no sistema Xbox Cloud Gaming é na verdade, parte de um plano maior da Microsoft de criar um Xbox portátil, do tamanho de um pen drive, através de sua iniciativa Xbox Everywhere, ou "Xbox em toda parte" em tradução livre.

A Xbox Cloud Gaming, ou xCloud, é um serviço que permite ao assinante Ultimate do streaming de jogos da Microsoft, Game Pass, jogar os jogos do Xbox em diferentes dispositivos através da execução em nuvem dos programas. Isto é, o usuário vê e joga na tela, mas o jogo é executado em um servidor remoto, ao invés do console ou do computador. Isto quer dizer que as imagens e os comandos são transmitidos via internet.

Atualmente só é possível utilizar o xCloud através de computadores e smartphones. Mas a ideia da Microsoft é criar um aparelho, semelhante a um dongle do Chromecast, Fire Stick ou Mii Stick, capaz de acessar a biblioteca da Microsoft e executar o sistema em nuvem.

Dessa forma, a Xbox Everywhere permitirá que os jogos presentes em seu sistema da nuvem possam ser jogados em qualquer televisão com uma entrada USB. Segundo Warren, a novidade não para por aí. Parte da iniciativa é também desenvolver um aplicativo para as smart TVs, da mesma forma que a Netflix tem seu aplicativo que já vem no sistema dos aparelhos.

"Tenho certeza que ouviremos muito mais [sobre a iniciativa] nos próximos meses. xCloud está se preparando para mais mercados, mais jogos e mais dispositivos", afirmou Warren em uma publicação no Twitter.

A jogabilidade em nuvem vem sendo há alguns anos a nova fronteira de exploração das fabricantes de videogames. A ideia por trás da inovação é reduzir o preço dos consoles, ao vender para o consumidor apenas um aparelho capaz de se conectar ao sistema da empresa, em vez de um hardware caro e potente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos