Milhares de estudantes exigem mais democracia nas ruas da Tailândia

·1 minuto de leitura
Estudantes em manifestação em Bangcoc
Estudantes em manifestação em Bangcoc

Vários milhares de estudantes de ensino médio se reuniram neste sábado (21) no centro de Bangcoc para pedir uma reforma do sistema escolar e apoiar os manifestantes que exigem a renúncia do primeiro-ministro e uma reforma da monarquia.

Incentivados pelo movimento pró-democracia que abala a Tailândia desde o verão boreal, esses jovenes organizaram seu próprio grupo, os "Bad Students".

Reforma dos programas, flexibilização das normas, igualdade, direito à palavra: suas reivindicações abrangem todos os pilares da educação.

Os manifestantes, assim como os estudantes, pedem uma reforma da poderosa monarquia e a renúncia do primeiro-ministro Prayut Chan O Cha, que chegou ao poder após um golpe de Estado de 2014.

Este último endureceu o tom na sexta-feira, alertando que "o governo aplicará todas as leis", inclusive potencialmente a de lesa majestade, que castiga com até 15 anos de prisão toda difamação contra o rei e não é utilizada há alguns anos.

ask-sde/cac/mab/zm/aa