Militar da Marinha é encontrado morto a facadas em casa, na Zona Norte do Rio

Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) abriram um inquérito para apurar a morte do sargento da Marinha Bruno Cesar Gomes Pina, de 40 anos, a facadas, na noite desta quarta-feira, dia 1º, na casa dele, em Maria da Graça, na Zona Norte do Rio. A principal linha de investigação da especializada é que o militar tenha sido vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte).

Envenenamento: Perícia detecta pedrinhas em estômago de enteado e sugere chumbinho

De acordo com a Polícia Militar, Bruno teria sido imobilizado por dois homens após sair de um bar na região. O sargento teria ainda sido agredido com chutes e com um mata-leão. Os criminosos teriam o arrastado para dentro de seu apartamento e lá dentro o esfaquearam.

Covid-19: Com aumento de casos, Rio volta com os centros de testagem

O corpo do militar foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) e de lá será enviado a Recife, onde ele nasceu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos