Ministério de Guedes terá estruturas para economia verde e empreendedorismo feminino

O governo federal anunciou nesta segunda-feira uma reestruturação no Ministério da Economia, que irá ganhar estruturas relacionadas a duas áreas em que o governo é criticado: meio ambiente e políticas para mulheres. Serão criadas a Subsecretaria de Economia Verde e a Coordenação-Geral de Empreendedorismo Feminino.

De acordo com a Secretaria-Geral da Presidência, as mudanças serão realizadas em um decreto, que será publicado na terça-feira no Diário Oficial da União (DOU). O objetivo é "otimizar seu desempenho em consonância com a sua estratégia de atuação".

Ainda não foi anunciado quem irá comandar cada estrutura. A Subsecretaria de Economia Verde ficará subordinada à Secretaria de Desenvolvimento da Indústria, Comércio e Serviço, que hoje é comandada por Glenda Bezerra Lustosa.

Já a Coordenação-Geral de Empreendedorismo Feminino ficará dentro da Secretaria de Inovação e Micro e Pequenas Empresas, atualmente chefiada por Bruno Monteiro Portela.

Além disso, será criado o Departamento do Processo Eletrônico Nacional em Rede, subordinado à Secretaria de Gestão da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital.

Também haverá uma unidade regional da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional para atuar no Tribunal Regional Federal da 6ª Região (TRF-6), que está em processo de criação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos