Ministro que comparou Datafolha a duendes celebrou aprovação de Bolsonaro em 2020

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Fábio Faria (Foto: Mateus Bonomi/Getty Images)
Fábio Faria (Foto: Mateus Bonomi/Getty Images)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Ministro das Comunicações, Fábio Faria reagiu à divulgação de levantamento do Datafolha nesta quinta-feira (26) comparando-o a figuras fictícias, como Papai Noel, duendes e Pinóquio.

A pesquisa mostrou Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com 21 pontos percentuais de vantagem sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL), liderando a disputa presidencial com 48% das intenções de voto no primeiro turno, ante 27% do principal adversário.

Em agosto de 2020, no entanto, Faria comemorou um levantamento do Datafolha que mostrava que Bolsonaro havia atingido sua melhor avaliação desde o início do mandato.

"Excelente! O presidente Jair Bolsonaro atingiu sua melhor avaliação desde o início do mandato, segundo pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo. É muito bom ver os brasileiros reconhecendo o grande trabalho que vem sendo feito pelo governo em todas as frentes", escreveu Faria, que se tornou ministro em junho de 2020.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos