Modelo sem habilitação atropela e mata adolescente de 16 anos no Rio de Janeiro

Modelo atropela e mata adolescente - Foto: Reprodução
Modelo atropela e mata adolescente - Foto: Reprodução
  • Modelo atropela e mata uma adolescente de 16 anos na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro

  • Bruno Krupp não tinha habilitação e pilotava uma moto quando atingiu a vitima

  • O rapaz está hospitalizado e prestará depoimento quando deixar o hospital

O modelo e influenciador digital Bruno Fernandes Moreira Krupp, de 25 anos, atropelou e matou uma adolescente de apenas 16 anos na noite do último sábado (30), no Rio de Janeiro.

De acordo com informações do jornal O Globo, Bruno estava pilotando uma motocicleta sem habilitação quando atropelou a estudante na faixa de pedestres, com semáforo, na altura do Posto 3.

Um inquérito foi instaurado na 16ª Delegacia de Polícia (Barra da Tijuca) para apurar o ocorrido. Inicialmente, Bruno foi autuado por lesão corporal culposa, provocada por atropelamento e falta de habilitação, além de proibição de dirigir veículo automotor. Mas o registro deve ser atualizado para homicídio, após a confirmação da morte da vítima.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para atender o caso por volta das 22h55 de sábado. No local, perceberam que a vítima havia tido a perna esquerda amputada com o impacto do acidente. Bruno, por sua vez, tinha apenas escoriações.

Ambos foram atendidos e levados para o Hospital Lourenço Jorge. Pouco após dar entrada, porém, a adolescente não resistiu e teve o óbito confirmado.

Sem carteira de habilitação

Um dos policiais militares que atenderam a ocorrência confirmou que Bruno não possui carteira de habilitação. Ele afirmou, ainda, que o local do acidente não foi preservado.

A moto que o suspeito pilotava foi apreendida e levada para a delegacia. "O condutor da moto está hospitalizado e será ouvido assim que receber alta médica. De acordo com os agentes, ele não tem habilitação. As investigações estão em andamento para esclarecimento de todos os fatos”, explicou a Polícia Civil em nota ao Globo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos