Morador do Complexo do Alemão é baleado em confronto entre polícia e traficantes

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

Um morador do Complexo do Alemão foi baleado na noite desta quarta-feira (26) durante confronto entre policiais militares e traficantes. O homem foi atingido por volta das 20h30 e levado por moradores até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região. A situação ficou tensa após protesto na comunidade por conta da morte do adolescente Paulo Henrique de Moraes, de 13 anos, baleado na segunda-feira (25).

Por causa dos confrontos, as duas principais vias que circundam o conjunto de favelas, a avenida Itaóca e a estrada do Itararé, ficaram bloqueadas ao trânsito desde as 19h. Um ônibus teve as janelas quebradas e ficou atravessado na estrada do  Itararé.

O Complexo do Alemão tem sido palco de constantes confrontos nas últimas semanas, intensificados nos últimos dias por causa da tentativa de instalação de uma cabine blindada de polícia no Largo do Samba. No local, conhecido por pesados tiroteios, policiais militares tomaram a laje de uma casa de morador, em março, como ponto de operação, o que gerou protestos e foi tema de uma audiência pública na Defensoria Pública do Estado esta semana.

O comandante da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Nova Brasília, major Leonardo Zuma, participou pessoalmente da ação desta noite. O objetivo da UPP é retomar o controle territorial do Alemão, mas a resistência dos traficantes tem sido intensa, com uso de fuzis e até granadas.