Morador imobiliza e captura jacaré no meio da rua no RJ; veja o vídeo

·2 minuto de leitura
  • Jacaré apareceu no meio de uma rua residencial em São Gonçalo-RJ, na quarta-feira (29)

  • Um peixeiro que passava pela região conseguiu imobilizá-lo com as próprias mãos

  • O rapaz contou que atirou um pano para tapar a visão do animal e, então, se atirou sobre ele

São Gonçalo, no Rio de Janeiro, foi palco de um episódio insólito na última quarta-feira (29). Um jacaré apareceu no meio da rua na cidade fluminense e foi capturado por um morador com suas próprias mãos.

O episódio foi gravado por uma testemunha. As imagens mostram o rapaz já quase deitado sobre o jacaré imobilizado, próximo ao meio-fio, à espera da chegada dos bombeiros.

Leia também:

Não há informações sobre como o animal apareceu na região residencial, mas a suspeita é de que ele tenha saído de um rio nas proximidades.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o jacaré foi resgatado e levado à Área de Preservação Ambiental (APA) de Guapimirim, onde passa bem.

Peixeiro explica captura

O rapaz responsável pela captura do animal foi identificado como Roberto Pereira da Silva, peixeiro que vive em São Gonçalo. Ele explicou que dirigia-se para seu trabalho pela manhã quando ouviu um estrondo em seu veículo.

Roberto deitou sobre o jacaré e esperou a chegada dos bombeiros - Foto: Reprodução/TV Globo
Roberto deitou sobre o jacaré e esperou a chegada dos bombeiros - Foto: Reprodução/TV Globo

“Foi uma pancada forte no fundo do carro. Quando eu olhei, tinha um jacaré aqui do lado. Falando, você não acredita”, contou ao G1.

Roberto não pensou duas vezes e decidiu tentar imobilizar o animal. O rapaz relatou que ficou com medo que alguém agredisse ou provocasse o jacaré.

A estratégia do peixeiro era tapar a visão do bicho com um pano. “Mas ele tirou e veio para cima de mim”, disse. “Na terceira vez, eu consegui jogar o pano em cima dele, ele parou e fui pular em cima. Aí não tem jeito, são 120 kg em cima do bichinho!”, contou, rindo.

Roberto relatou a captura - Foto: Reprodução/TV Globo
Roberto relatou a captura - Foto: Reprodução/TV Globo

Bombeiros não acreditaram na ocorrência

Roberto lembrou que os bombeiros pensaram se tratar de um trote quando uma testemunha ligou para relatar o ocorrido. Somente quando ele próprio telefonou, de cima do jacaré, uma guarnição foi enviada.

Apesar do final feliz para Roberto, as testemunhas e até o animal, o Corpo de Bombeiros ressaltou que a atitude do peixeiro foi arriscada e que o correto, nesses casos, é afastar-se imediatamente do jacaré e ligar para o 193.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos