Morre Cristiana Lôbo, jornalista e comentarista da Globonews, aos 63 anos; autoridades, fãs e amigos lamentam

·1 min de leitura

Jornalista e comentarista política da Globonews, Cristiana Lôbo morreu em São Paulo nesta quinta-feira, dia 11, aos 63 anos, em decorrência de um mieloma múltiplo, que vinha sendo tratado há alguns anos.

Natural de goiânia, a jornalista deu entrada no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, no último fim de semana para tratar uma penumonia. A informação foi confirmada pela Globonews e dada pela colega de emissora, e amiga, Leilane Neubarth.

Nas redes sociais, amigos, políticos e fãs do trabalho lamentaram o ocorrido.

"Que notícia triste. Super jornalista. Atenta, séria e competente. Meus sentimentos a seus familiares e colegas de profissão. Vai fazer falta!", escreveu Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro.

"Cristiana Lôbo era, é, uma grande figura do nosso jornalismo. Doce, mas incisiva, forte e muito elegante. Objetiva e consistente.Leve sem nunca perder a consistência. Uma democrata, uma grande mulher. Toda a solidariedade à família e aos muitos amigos. Viva Cristiana Lobo!", disse o jornalista Marcelo Lins.

"Consternado pela perda dessa grande jornalista e amiga! Que Deus a abençoe e proteja, e console sua linda família!", comentou o repórter André Trigueiro.

"Cristiana Lobo era de uma generosidade imensa. Em 2008, encontrei por acaso com ela na rua e comentei da minha vontade de migrar do rádio para a TV. Duas horas depois, ela me ligou: “tem uma vaga na Globo News, falei de você lá”. Deu certo. Obrigado por tanto, Cris. Vá em paz", relembrou o repórter Paulo Mario.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos