Quem foi Caleb Swanigan, ex-jogador da NBA que morreu aos 25 anos

Caleb Swanigan teve uma passagem sem muito sucesso pela NBA após brilhar na universidade. Foto: Don Juan Moore/Getty Images
Caleb Swanigan teve uma passagem sem muito sucesso pela NBA após brilhar na universidade. Foto: Don Juan Moore/Getty Images

A NBA está em abalada. Caleb Swanigan morreu aos 25 anos após estrelar uma das histórias mais trágicas lembradas na liga. Uma infância complicada, intimamente ligada às drogas, um crescimento exponencial que o levou ao basquete e uma queda em desgraça que esteve ligada a um tremendo ganho de peso.

Swanigan supostamente faleceu de causas naturais. Sua universidade, Purdue, disse em um comunicado: "Estamos devastados. Nossos pensamentos e orações vão para sua família e amigos. Perdemos uma alma gentil na noite passada. Nós amamos você, 'Biggie'". Foi lá que ele exibiu seu melhor basquete depois de viver uma infância bem tumultuada.

Leia também:

Ele passou por cinco abrigos entre Indianápolis e Utah, pois era 'filho do crack'. Seu pai, viciado naquela droga e cocaína, destruiu uma família e até maltratou sua mãe, também se verificou que pesava 220 quilos. Ela cuidou dos filhos. Assim, a infância de Caleb foi marcada por maus hábitos alimentares, que acabaram fazendo com que ele pesasse 180 quilos aos 13 anos.

Sua salvação foi Roosevelt Barnes, ex-jogador e representante de futebol americano que o adotou e explorou suas qualidades para o basquete. Lá, ele se tornou um All-American no ensino médio e entrou na primeira rodada do Draft da NBA como o melhor reboteiro da liga universitária.

Na NBA ele nunca conseguiu decolar. Participou de poucos jogos, foi para liga de desenvolvimento e acabou demitido da bolha de Orlando, quando a liga foi para lá para terminar a temporada durante o auge da pandemia.

Swanigan foi a vigésima sexta escolha do Draft de 2017, e defendeu o Portland Trail Blazers (2017-19 e 2020) e o Sacramento Kings (2019-20).

Nas duas passagens pelo time do Oregon, Swanigan disputou 65 partidas, quatro delas como titular, mas sem muito destaque. Assim, ele angariou médias de 2,4 pontos e 3,1 rebotes. Pelo Kings, Swanigan obteve médias de 1,3 ponto e 1,9 rebote.

Para piorar, ele foi preso em 23 de dezembro de 2020 por porte de drogas. Tratado como contraventor, foi ao tribunal com 64 quilos a mais do que quando chegou à NBA, pulando de 118 para 182.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos