Morre Iara Riça, dubladora de Arlequina e da Florzinha, de 'As Meninas Superpoderosas', aos 56 anos

O Globo
·1 minuto de leitura

RIO — Após ficar em coma por uma semana, após um acidente vascular cerebral (AVC), dubladora Iara Riça não resistiu e morreu hoje, aos 56 anos. A informação foi postada pelo dublador Guilherme Briggs, amigo de Iara, em suas redes sociais.

Com mais de 35 anos de carreira, Iara era famosa por dar voz a Arlequina, dublando a personagem da DC Comics tanto nos longas em que ela é interpretada pela atriz Margot Robbie quanto em episódios da série animada. A dubladora também criou interpretações inesquecíveis para Florzinha, da animação "As Meninas Superpoderosas"; a heroína Jean Grey, da série animada dos X-Men; e em produções como "Power Rangers", "Buffy", "Ben-10", "Liga da Justiça" e "Scooby-Doo".

Em suas redes, Guilherme Briggs, que vinha atualizando os seguidores sobre o estado de saúde da amiga, postou a seguinte mensagem: “Eu recebi a notícia que a nossa querida amiga e colega dubladora Iara Riça não resistiu ao aneurisma e teve morte cerebral, após passar vários dias em coma no hospital. Uma junta médica vai se reunir para os próximos passos”.

A morte de Iara acontece uma semana depois da de outra dubladora, Ana Lucia Menezes, aos 45 anos, também por AVC. Ela estava internada e passou por cirurgias na semana passada.

Ao longo de mais de 30 anos de carreira, Ana interpretou personagens conhecidos do público. Ela deu voz a Sam Pucket, do seriado americano "iCarly"; a ovelha Suzy, de Peppa Pig, e Rory Gilmore, de "Gilmore Girls". Desde a exibição da novela "Rebelde", em 2005, era a dubladora da atriz Maite Perroni no Brasil.