Morre John Saxon, de 'Operação Dragão' e 'A hora do pesadelo', aos 83 anos

Extra
·1 minuto de leitura

O ator John Saxon, estrela de filmes de terror, ação e faroeste, morreu aos 83 anos no Tennessee, Estados Unidos. A causa da morte foi uma uma pneumonia segundo confirmou sua esposa, Gloria Saxon, ao site de cinema "The Hollywood Reporter". Entre seus personagens mais lembrados estão o policial Donald Thompson de "A hora do pesadelo" (1984); e Roper, do filme de artes marciais "Operação Dragão" de 1973, protagonizado por Bruce Lee.

Saxon atuou ainda em dezenas de filmes influentes no gênero de terror. Entre eles estão "Tenebrae" (1982) e dirigido pelo italiano Dario Argento; o canadense "Noite de terror" (1974); e "Um drink no inferno" (1996), dirigido por Robert Rodriguez e escrito por Quentin Tarantino.

Saxon também deixa sua marca nas produções de faroeste, como o filme de John Houston "O passado não perdoa" (1960) e "Só matando" (1969). O filme "Sangue em sonora", de 1966, que estrelou ao lado de Marlon Brando, lhe rendeu uma indicação ao Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante. Seu último papel foi no filme americano "The extra", de 2017.