Morre Lila Covas, ex-primeira-dama do estado de São Paulo

***ARQUIVO*** São Paulo - SP Julho 2006: Lila Covas. (Foto: Caio Guatelli/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Foi anunciada, na manhã deste domingo (22), a morte de Lila Covas, ex-primeira-dama do estado de São Paulo, aos 87 anos. Ela foi casada com o ex-governador Mário Covas (1930-2001).

Lila era mãe do vereador de São Paulo Mário covas Neto (Podemos) e avó do atual prefeito de São Paulo Bruno Covas (PSDB).

Com Alzheimer em estágio avançado, Lila morreu de causas naturais.

O filho da ex-primeira-dama disse, em rede social, que não haveria cerimônia fúnebre "devido ao atual momento".

Em nota, o PSDB de São Paulo disse que a história de Lila Covas se confunde com a da política brasileira e com a do próprio partido.

"Enquanto presidente do Fundo Social de Solidariedade, representou uma mudança no paradigma das ações sociais, implementando programas em parceria com a sociedade civil e instituindo campanhas que priorizaram o desenvolvimento social", diz o comunicado.

As prefeituras de São Paulo e de Ribeirão Preto também publicaram notas lamentando a morte.

" Não tenho dúvida de que suas ações em busca do desenvolvimento social ficarão eternizadas nos corações de muitas famílias", disse Eduardo Nogueira, prefeito de Ribeirão Preto.