Morre no Rio o sambista Dominguinhos do Estácio

·1 minuto de leitura

Morreu na madrugada desta segunda-feira, no Rio, o compositor e intérprete de samba enredo Dominguinhos do Estácio. Ele tinha 79 anos (iria completar 80 em agosto), e estava internado desde o dia 11 de maio, no Hospital Azevedo Lima, em Niterói. O sambista faleceu Vítima de uma hemorragia cerebral.

No perfil do artista, no Instagram, foi publicada uma nota de pesar: "É com muita tristeza que viemos através dessa rede social comunicar o falecimento do nosso querido mestre, Dominguinhos do Estácio. O mesmo seguia internado desde o dia 11 de maio em decorrência de complicações em seu quadro de saúde e na noite do dia 30 o cantor e intérprete Dominguinhos do Estácio veio a óbito. Que nossa senhora de Nazaré o receba de braços abertos. Desejamos nossos pêsames a todos os amigos e familiares.

No início de 2020, Dominguinhos do Estácio precisou ser internado por conta de um infarte que sofreu logo após o desfile da Viradouro, última escola de samba que representou na Avenida.

O sambista começou a carreira na década de 1960, na Unidos de São Carlos, que em 1983 passou a se chamar Estácio de Sá. Também foi intérprete dos sambas da Imperatriz Leopoldinense. Em sua carreira, foi campeão do carnaval carioca por conco vezes. Dominguinhos deixa cinco filhos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos