Morre o ator Edson Montenegro, de 'Cidade de Deus', por complicações da Covid-19

O Globo
·1 minuto de leitura

O ator Edson Montenegro morreu aos 63 anos, vítima de complicações da Covid-19. Ele era conhecido pelo grande público por sua atuação em "Cidade de Deus", quando viveu o pai do protagonista Buscapé (Alexandre Rodrigues).

Edson estava intubado com 55% dos pulmões comprometidos no Hospital Paulistano, na Bela Vista, em São Paulo, onde morava. Segundo a empresa que cuidava de sua carreira, o ator sofreu uma parada cardíaca na madrugada deste domingo e não resistiu.

"Edson estava no auge de sua carreira artística. Estávamos fechados com duas séries, uma delas internacional, e ainda em negociações com um longa e uma novela", revelou a equipe à revista "Quem". "Era um cara amigo, atencioso, educadíssimo, um gentleman, e um dos grandes artistas desse país. Estava muito feliz nesses últimos meses com todos os convites profissionais que vinha recebendo".

O ator se formou em Artes Cênicas na Escola de Arte Dramática da USP. Além de "Cidade de Deus", ele fez a minissérie e a peça "Dona Flor e seus dois maridos" e as novelas "Antonio Alves taxista", do SBT, e "Xica da Silva", da Manchete. Mais recentemente, esteve em "Cúmplices de um resgate" (SBT) e "Apocalipse" (Record), além do musical de teatro "Donna Summer".