Morre o vereador Fernando William, aos 66 anos, vítima de Covid-19

Aline Macedo
·1 minuto de leitura
Divulgação

RIO — Morreu, no início da noite desta quarta-feira, aos 66 anos, o vereador Fernando William (PDT). Ele estava internado com Covid-19 desde o dia 12 de dezembro no Hospital Samaritano, na Barra da Tijuca. De acordo com a sua assessoria, o parlamentar chegou a apresentar melhora, mas uma infecção hospitalar complicou o quadro de saúde e ele não resistiu. A Câmara Municipal do Rio deverá decretar três dias de luto.

Fernando William foi vereador da cidade do Rio de Janeiro quatro vezes. Foi secretário Secretário Estadual de Governo, Secretário Estadual de Projetos Especiais, Secretário Estado da Criança e do Adolescente e Secretário do Estado de Assistência Social, de 1999 a 2006. Entre 2008 e 2010, foi secretário de Assistência Social do Município.

No último mandato, terminado no último dia 31 de dezembro de 2020, presidiu a CPI da Linha Amarela, a CPI das Obras Inacabadas e a CPI da sonegação de ISS por instituições financeiras. De 54 projetos apresentados, 32 se transformaram em lei.

O parlamentar nasceu no Morro do Alemão, subúrbio da Leopoldina. Se formou em medicina pela UFRJ, com especialização em cardiologia. Enquanto parlamentar, esteve voltado prioritariamente para a saúde, a educação e as questões sociais.

Fernando William era casado com Conceição Ferreira. Deixa quatro filhos: Gregório Ferreira (36 anos), Maria Clara Ferreira (31 anos), Fernando William Moraes Ferreira ( 15 anos) e Valentina Ferreira ( 10 anos). Os dois últimos fruto de outro relacionamento.