Morreu Gina Lollobrigida

O mundo do cinema presta homenagem a Gina Lollobrigida, a atriz italiana que morreu esta segunda-feira aos 95 anos. Considerada uma das mulheres mais bonitas do mundo, fez sucesso em Hollywood nos anos do pós-guerra e contracenou com as maiores estrelas do cinema como Frank Sinatra, Sean Connery, Marcello Mastroianni a Humphrey Bogart.

Nasceu numa aldeia no centro de Itália, numa família modesta, que mais tarde foi viver para Roma. Começou a carreira na adolescência como modelo, ao mesmo tempo que colaborava em figurações em produções de filmes. Em 1953, alcançou projeção mundial com "Pão, Amor e Fantasia", um dos grandes sucessos de bilheteira do cinema italiano nomeado para um Óscar.

Depois de terminar a carreira de atriz tornou-se fotógrafa e escultora. Também tentou entrar para a política e, em 1999, candidatou-se a uma vaga no Parlamento italiano.

Gina Lollobrigida morreu no hospital onde estava internada em Roma. Nas redes sociais, o ministro da cultura italiano disse "Adeus a uma diva, protagonista de mais de meio século de história do cinema do país.