Morte do papa Bento 16 ofusca o Ano Novo no Vaticano

Por Philip Pullella

CIDADE DO VATICANO (Reuters) - O papa Francisco celebrou o tradicional Dia Mundial da Paz neste domingo, mas o Ano Novo no Vaticano foi ofuscado pela morte do predecessor do atual pontífice, Bento 16.

Francisco comandou a missa na Basílica de São Pedro enquanto o corpo de Bento, que morreu no sábado aos 95 anos, estava sendo preparado para três dias de exibição pública na mesma igreja a partir de segunda-feira.

Neste domingo, o Vaticano divulgou as primeiras imagens do falecido papa Bento XVI, mostrando-o vestido com paramentos litúrgicos vermelhos e dourados e sendo velado na capela do mosteiro onde morreu.

Seu corpo será levado reservadamente para a basílica, ao contrário do que aconteceu após a morte em 2005 do papa João Paulo, cujos restos mortais foram levados em procissão solene ao ar livre transmitida ao vivo pela televisão para todo o mundo.

De acordo com os desejos de Bento XVI, seu funeral na quinta-feira será simples e solene. Será a primeira vez em muitos séculos que um papa em exercício presidirá o funeral de seu predecessor. Bento XVI, que deixou o cargo em 2013, foi o primeiro pontífice em 600 anos a renunciar.

O dia 1º de janeiro também é a festa da Mãe de Deus e, em sua homilia, Francisco pediu a Nossa Senhora que acompanhasse "nosso amado" Papa Emérito Bento 16 "em sua passagem deste mundo para Deus".

Bento também foi lembrado em uma das orações da missa.

Em sua homilia, Francisco pediu a todos os presentes que trabalhem ativamente pela paz, e não "percam tempo vidrados na frente de uma tela de computador", e que, em vez disso, "sujem as mãos para fazer o bem".

Mais tarde, em sua bênção de domingo na Praça de São Pedro, Francisco fez outro apelo pelo fim do conflito na Ucrânia, dizendo que era "um contraste intolerável" com o tema do dia.

Na noite de sábado, o Vaticano divulgou o "testemunho espiritual" de duas páginas de Bento 16, escrito em 2006, um ano após sua eleição como papa. Não foi explicado por que Bento não o atualizou à medida que ficava mais velho e frágil.

Nela, Bento pedia que Deus o acolhesse, de forma espiritual, na vida interior “apesar de todos os meus pecados e insuficiências”.