Mortes por Covid no Reino Unido caem para 10; país chega a 5 milhões de vacinados com 2ª dose

Michael Holden
·1 minuto de leitura

Por Michael Holden

LONDRES (Reuters) - O Reino Unido relatou neste sábado 10 mortes por Covid-19, o menor número diário desde o começo de setembro do ano passado, e a vacinação contra a doença no país alcançou um novo marco.

Dados oficiais mostraram que 31.301.267 pessoas receberam a primeira dose da vacina contra Covid-19, e 5 milhões agora estão imunizadas também com a segunda dose, na campanha de vacinação mais rápida da Europa.

“Nosso espetacular programa de vacinação agora entregou mais de 5 milhões de segundas doses, dando aos mais vulneráveis à Covid --incluindo metade de todos que têm mais de 80 anos-- a melhor proteção possível”, disse o ministro da Saúde, Matt Hancock, em comunicado.

O Reino Unido continua firme na direção de atingir o objetivo do governo de oferecer a vacina a todos com mais de 50 anos até meados de abril e a todos os adultos até o fim de julho, disse o governo.

Os últimos dados mostraram que houve 3.423 novos casos, um pequeno aumento em relação aos 3.402 registrados no dia anterior, embora, ao contrário de países como França e Alemanha, que estão lutando com uma terceira onde de infecções, o Reino Unido registra constantemente uma redução de infecções.

Medidas rígidas de lockdown na Inglaterra começaram a ser aliviadas em 29 de março, e o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, deve atualizar o país com mais detalhes sobre a remoção das restrições na segunda-feira, incluindo se a indústria de hospitalidade a céu aberto poderá ser reaberta em 12 de abril, como planejado.