Mortes violentas no estado do Rio caem 18% em 2020

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil
·1 minuto de leitura

O estado do Rio de Janeiro registrou no ano passado 4.892 casos de letalidade violenta, ou seja, homicídios, latrocínios (roubo seguido de morte), lesões corporais seguidas de morte e mortes provocadas por policiais. O número é 18% inferior ao observado em 2019, segundo dados compilados pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), vinculado ao governo fluminense.

Os roubos também tiveram queda. Os roubos de cargas caíram 33% de 2019 para 2020, quando foram registrados 4.986 casos. Os roubos de rua recuaram 40% e os roubos de veículos, 36% de um ano para outro.

Segundo o ISP, o ano de 2020 também foi o ano com o menor número de mortes de policiais em serviço e em folga desde 1998. No total, foram 17 policiais civis e militares mortos em serviço e 42 em folga.

Ainda de acordo com o ISP, a covid-19, que provocou medidas de isolamento social por vários meses, pode ter tido impacto em alguns tipos de crime, como o estelionato, que cresceu 18% em 2020. O maior aumento ocorreu com golpes pela internet (198%).