Motocicleta de Johnny Depp em filme vai a leilão por R$ 1,2 milhão

Motocicleta pilotada por personagem de Johnny Depp em filme vai a leilão com lance inicial de R$ 1,2 milhões. Foto: Drew Angerer/Getty Images.
Motocicleta pilotada por personagem de Johnny Depp em filme vai a leilão com lance inicial de R$ 1,2 milhões. Foto: Drew Angerer/Getty Images.
  • Motocicleta pilotada pelo ator Johnny Depp no filme ‘Cry-Baby’, de 1990, será leiloada no dia 25 de junho;

  • Atualmente, a motocicleta está alojada em um museu no estado do Missouri;

  • Segundo a casa de leilões, a motocicleta está em "condições fantásticas".

A motocicleta pilotada pelo ator Johnny Depp no filme ‘Cry-Baby’, de 1990, será leiloada no próximo dia 25 de junho pela GWS Auctions e terá o lance inicial de US$ 250 mil, pouco mais de R$ 1,2 milhão na cotação atual.

O veículo, descrito pela casa de leilões como "icônico e único", é uma Harley Davidson Model K de 1955. “A bicicleta está atualmente alojada em um museu no estado norte-americano do Missouri. A moto está em condições fantásticas. A moto tem todas as peças e deve correr e andar”, afirma o anúncio.

No filme, Depp interpreta Wade "Cry-Baby" Walker, um bad boy líder de um grupo musical que reside na cidade de Baltimore em 1954.

Leia também:

Cobertura à venda

Recentemente, uma cobertura de Depp no centro de Los Angeles, na Califórnia, onde ele e Amber Heard viveram durante o breve casamento, foi colocada à venda por US$ 1,76 milhão, cerca de R$ 8,8 milhões na cotação atual.

Os dois foram casados por apenas 15 meses, mas durante o período, ambos passaram boa parte do tempo no apartamento.

NFTs

Nas últimas semanas, após a vitória no processo de difamação contra Heard, o ator viu sua coleção de NFTs (tokens não-fungíveis, em tradução livre) valorizar na plataforma OpenSea.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos