Motociclista de manobra 'suja' abandona carreira

A manobra suja custou a carreira de Fenati (Foto: Reprodução)

O motociclista Romano Fenati, que protagonizou um dos lances mais sujos da história das corridas de moto, anunciou que vai abandonar a carreira depois da imensa repercussão negativa que seu ato teve. O piloto reconheceu que cometeu um “gesto vergonhoso” e que Irá trabalhar com o avô na loja de ferragens da família.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Em Misano, no GP de San Marino de Moto2 do último final de semana, Fenati disputava posição com Stefano Manzi no final da corrida. Depois de ter sido colocado para fora da pista por Stefano algumas vezes, o piloto da Snipers simplesmente pressionou a alavanca do freio dianteiro do rival em plena reta oposta. Manzi caiu pouco depois e não completou a corrida.

Leia mais:
Neymar critica árbitro de amistoso com El Salvador
– Veja as peças mais incríveis do maior museu de futebol do mundo
– Dono do PSG admite surpresa em ver ida de Cr7 à Juve: ‘Não esperava’

 A Codacons, uma entidade italiana que defende o direito dos consumidores, anunciou que solicitou que Procuradoria de Rimini avalie se é possível processar o agora ex-piloto da Snipers por tentativa de homicídio. 

Logo depois da “manobra”, o italiano foi dispensado de sua equipe, perdeu contrato com a Forward para 2019 e teve sua licença suspeita pela Federação de Motociclismo da Itália. Romano foi desclassificado da prova e foi suspenso por duas provas do calendário – Aragão e Tailândia.