Motociclista sem CNH bate moto e morre ao tentar fugir de abordagem da PM

Polícia (Foto: Getty Images)
Polícia (Foto: Getty Images)

Vitor Hugo da Silva Nogueira, de 23 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira (5), em Araraquara (SP), após bater contra uma árvore durante uma fuga de uma perseguição policial no Jardim América.

Segundo familiares do jovem, ele não tinha habilitação e teria se assustado ao ser abordado por agentes da Polícia Militar (PM).

A PM informou que Vitor Hugo fugiu de uma abordagem policial e começou a ser perseguido.

O jovem foi encontrado machucado a poucos metros da casa onde morava, na Avenida Santa Catarina. Ele estava a cerca de oito metros antes da moto, que foi localizada entre uma árvore e o muro de uma casa.

Após ser encontrado, o jovem chegou a ser socorrido pela Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na Santa Casa.

Segundo familiares do Vitor, ele trabalhava como entregador para uma lanchonete na Alameda Paulista. Inclusive, de acordo com eles, o jovem estaria realizando a última entrega do dia quando houve a perseguição que resultou em sua morte.

Peritos da Polícia Civil estiveram no local. O caso foi registrado e será investigado pela Polícia Civil.

Outros casos

Três pedestres, dentre eles uma criança, ficaram feridas após um motorista perder o controle do veículo e acertar outro carro no dia 28 de maio deste ano em Cosmópolis (SP). Segundo a Polícia Militar (PM), o condutor estava embriagado e não possuía carteira de habilitação.

No dia 27 de abril, uma motociclista foi atropelada na Av. Comendador Franco, em Curitiba, por um carro que fugia da abordagem em uma blitz de trânsito. O motorista do carro foi preso e levado à delegacia, sem passagens pela polícia e teria alegado que fugiu da blitz por não ter carteira de habilitação (CNH).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos