Motorista atropela menina de 10 anos e foge sem prestar socorro, no DF

Um motorista atropelou uma menina de 10 anos e fugiu sem prestar socorro em Ceilândia, no Distrito Federal. Foto: Getty Images.
Um motorista atropelou uma menina de 10 anos e fugiu sem prestar socorro em Ceilândia, no Distrito Federal. Foto: Getty Images.
  • Um motorista atropelou uma menina de 10 anos no Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia, no último sábado;

  • O Corpo de Bombeiros informou que a criança continha um corte profundo na bochecha e suspeita de fratura;

  • A menina chegou a hospital consciente, orientada e estável, mas depois apresentou desorientação.

Um motorista atropelou uma menina de 10 anos no Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia, no Distrito Federal, e fugiu do local sem prestar socorro na noite do último sábado (12).

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), a criança continha um corte profundo na bochecha, sangramento nasal e suspeita de fratura no membro inferior direito. Além disso, ela sentia dores no pescoço e na lateral da cabeça.

Antes de entrar no Hospital Regional de Ceilândia (HRC), a menina estava consciente, orientada e estável. Depois, apresentou desorientação.

Criança morre atropelada em São Paulo

Uma garota de 8 anos morreu após ser atropelada, na tarde da última sexta-feira (11), por um ônibus da Prefeitura de Pacaembu, em São Paulo.

O motorista, de 66 anos, foi detido por homicídio culposo e recebeu atendimento médico após ser agredido por moradores que estavam no local.

Segundo o Boletim de Ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender a uma ocorrência de acidente de trânsito com vítima. Ao chegar lá, os policiais avistaram a vítima no chão já sem vida.

O acidente teria acontecido porque o condutor, ao realizar uma manobra de marcha ré, atingiu a menina, que estrava atrás do ônibus.

O homem recebeu alta no último sábado (12), e foi levado para a Cadeia Pública de Adamantina para aguardar a audiência de custódia.

Em nota, a Prefeitura de Pacaembu lamentou a morte de Alici Geovanna Moreira da Fonseca e decretou luto oficial por três dias.

*Com informações do Metrópoles e do g1.