Motorista de BMW atinge fileira de motos e mata motoboy em SP

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A motorista de uma BMW foi presa após atingir uma fileira de motos estacionadas, matar um motoboy e ferir de forma grave outro, na madrugada deste domingo (27) no Cambuci, na região central da capital paulista.

O acidente aconteceu em frente à empresa de entrega de bebidas Zé Delivery, à 1h20, e as câmeras de segurança mostram o momento da batida, que chegou a arrancar uma árvore.

De acordo com a Polícia Militar, uma dentista de 42 anos perdeu o controle do veículo e atropelou pelo menos quatro motocicletas paradas na rua, e três pessoas, na calçada.

Uma das vítimas foi um motoboy e estudante de 21 anos, que morreu no local. Outro motoboy, de 26 anos, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e está em estado grave no Hospital São Paulo. Um terceiro homem sofreu ferimentos leves.

Na rua Basílio da Cunha, onde o acidente aconteceu, o limite máximo de velocidade é de 40km/h. Nas imagens, é possível ver que o carro de luxo estava em alta velocidade.

A dentista teria negado que tivesse ingerido bebida alcoólica, mas se recusou a fazer o teste do bafômetro.

Ela foi presa em flagrante e indiciada pela Polícia Civil pelos crimes de homicídio culposo na direção de veículo e lesão corporal culposa na direção de veículo -sem a intenção de matar ou de machucar.

A delegacia solicitou exames periciais aos institutos Médico Legal (IML) e de Criminalística (IC).

Agora, a dentista passará por audiência de custódia e a Justiça vai decidir se ela continuará detida ou se pode pagar fiança para que responda aos crimes em liberdade.

O advogado César Augusto Suman, que defende a motorista, afirmou ao G1 que o atropelamento foi uma "tragédia lamentável, que poderia acontecer com qualquer um".

Segundo o defensor, a dentista não havia bebido antes de dirigir, mas toma remédios controlados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos