Motorista de candidata a deputada estadual é morto a tiros em Fortaleza

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O motorista da candidata a deputada estadual pelo Ceará Sabrina Veras (MDB) foi morto a tiros em um evento de campanha no bairro Antônio Bezerra, em Fortaleza, na segunda-feira (26). Ele foi identificado pela equipe de candidata como Ianário Pereira Souza Rocha.

Em nota, Veras afirmou que o funcionário foi "brutalmente assassinado" e que sua equipe está "prestando total apoio à família da vítima".

Segundo o advogado da campanha, Joelson Dias, Veras estava dentro de uma casa com sua coordenadora de campanha, aguardando o início do evento, quando o crime ocorreu.

O motorista estava ao lado de fora do edifício quando foi alvejado, de acordo com o advogado.

Procurada, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social diz que a Polícia Civil "investiga as circunstâncias de um homicídio registrado, na noite dessa segunda-feira (26), no bairro Antônio Bezerra".

"Conforme as primeiras informações, um homem de 29 anos foi morto a tiros por indivíduos em uma moto. Equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, da Polícia Militar e da Perícia Forense foram acionadas e realizaram os primeiros levantamentos no local", segue a pasta, em nota.

Ainda não há informações sobre o que teria motivado o crime.

Como mostrou a Folha de S.Paulo, episódios ligados a ameaças, ataques e tensão relacionados à disputa eleitoral têm se acumulado no Brasil desde a pré-campanha.