Motorista de aplicativo é agredida após se recusar a levar quatro passageiras

·1 min de leitura
Motorista Janaína Gomes foi agredida por passageiras em Belo Horizonte (Foto: Reprodução)
Motorista Janaína Gomes foi agredida por passageiras em Belo Horizonte (Foto: Reprodução)
  • Motorista de aplicativo foi agredida após se recusar a levar quatro passageiras

  • Protocolos da covid-19 alertam que não deve haver um passageiro no banco da frente nos carros

  • Janaína Gomes teria sido agredida pela mãe de uma passageira após explicar impeditivo

Uma motorista de transporte por aplicativo foi agredida em Belo Horizonte no último domingo (28), após informar às passageiras que não poderia levar mais uma pessoa no veículo.

O caso aconteceu no bairro Concórdia. Durante a noite, Janaína Gomes trabalhava, quando recebeu uma chamada para uma viagem que teria uma parada. Ao g1, ela relatou que três passageiras já estavam no carro e pediram para que mais uma entrasse no veículo.

Janaína, então, explicou que não poderia receber mais uma pessoa, já que o limite durante a pandemia de coronavírus foi reduzido para três, em vez de quatro. Não é permitido que haja passageiros no banco da frente, pelos protocolos contra a covid-19.

A mãe de uma das passageiras se irritou com a negativa e deu um tapa no rosto da motorista. “Tenho só esse meio de trabalho e ainda agem com gente assim”, disse Janaína Gomes ao g1.

De acordo com a Polícia Militar, pessoas que estavam em um bar próximo, conhecidos das passageiras, agarraram a motorista pelo pescoço. Depois, um amigo da vítima chegou ao local e proteger Janaína de mais agressões. Um homem foi preso.

Outro lado

A mãe da passageira disse à polícia que Janaína estava alterada e que chegou a pegar uma garrafa e um cabo de vassoura para atingi-la. Sobre a agressão sofrida pela motorista, ela alega que a mulher se desequilibrou e caiu no chão sozinha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos