MP ignora pedido de vereadores para que consórcio Maracanã seja investigado

O leitor deve lembra que os vereadores Tarcísio Motta (PSOL) e Alexandre Isquierdo (União) enviaram um ofício ao Ministério Público pedindo a abertura de um inquérito civil contra o Consórcio Maracanã — formado por Flamengo e Fluminense. O pedido foi feito logo após a concessionária ter negado o pedido do Vasco para jogar no estádio.

Notícias em primeira mão: entre no canal do Panorama Esportivo no Telegram

Passados quase um mês, o MP do Rio ainda sequer respondeu aos vereadores. O pedido era para fosse fiscalizado o cumprimento da cláusula 2ª do termo de permissão de uso, em que diz que “a permissionária deverá possibilitar a utilização em condições de igualdade pelos demais clubes de futebol profissional”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos