MP do Trabalho notifica IBMR por mudança de senha interna com alusão à legenda de Bolsonaro

O Ministério Público do Trabalho (MPT) notificou, nesta terça-feira, o Instituto Brasileiro de Medicina e Reabilitação (IBMR), centro de Ensino Superior no Rio de Janeiro, depois que a instituição trocou as senhas iniciais de acesso de funcionários à intranet por "Liberdade@22", que faz referência ao número de urna do presidente Jair Bolsonaro (PL), que tenta a reeleição.

Veja mais: Bolsonaristas fazem adesivaço em evento esvaziado na Praça São Salvador, reduto lulista no Rio

Malu Gaspar: Campanha de Bolsonaro tentou ‘acordo’ com TSE sobre rádios até a última hora

Segundo denúncias recebidas pelo Sindicato dos Professores da Rede Privada do Rio (Sinpro-Rio), a senha de acesso padrão foi trocada nesta segunda-feira, e os funcionários do IBMR foram informados da troca por telefone, por pessoas ligadas à instituição. Até o final da terça-feira, o Sinpro-Rio recebeu cerca de 25 reclamações vinda de professores e demais funcionários de outros setores.

Na recomendação enviada à instituição nesta terça-feira, o MPT orientou que eles se abstivessem de "manter senha para acesso inicial a seus sistemas operacionais alusivo a mensagens e números propagados ou utilizados por qualquer partido político ou candidato a eleições". O órgão recomendou que a mudança da senha fosse feita no prazo de 48 horas do recebimento do documento.

A Rede Comunicação, que faz a assessoria do IBMR, informou que repudia "qualquer atitude que possa caracterizar assédio eleitoral" e "reconhece o ambiente acadêmico como um espaço de pluralidade de ideias, mas reforça que a instituição é apartidária". Segundo a instituição, recentemente foi realizada uma atualização de sistemas e geradas senhas de primeiro acesso com palavras aleatórias e o ano da implantação do sistema.

Na reta final: Bolsonaristas e petistas disputam ocupação da Avenida Paulista no domingo da eleição

A troca de senha ocorreu a menos de uma semana do segundo turno das eleições, que vai ocorrer neste domingo, dia 30. Bolsonaro, que teria sido favorecido pela alusão em senha interna do IBMR, está em segundo lugar na disputa, segundo as principais pesquisas de intenção de votos divulgadas até o momento. Na pesquisa Ipec da segunda-feira, o presidente pontuava 43%, contra 50% de intenção de voto para seu adversário, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).