Muçulmanos iniciam o Ramadã à sombra do coronavírus

A pandemia de covid-19 obrigou diversos países a suspender ou alterar as tradicionais celebrações do Ramadã. O tradicional mês de jejum no islamismo começou nesta terça-feira para milhões de muçulmanos por todo o mundo.