Terremoto na Indonésia mata ao menos 268 pessoas, muitas delas crianças

Terremoto na Indonésia

Por Johan Purnomo e Stefanno Sulaiman

CIANJUR, Indonésia (Reuters) - Um terremoto que atingiu Java Ocidental, na Indonésia, matou pelo menos 268 pessoas, muitas delas crianças, e 151 ainda estavam desaparecidas, disseram autoridades nesta terça-feira, enquanto equipes de resgate vasculhavam os escombros de prédios destruídos em busca de sobreviventes.

O terremoto raso de magnitude 5,6 atingiu as montanhas na província mais populosa da Indonésia, causando danos significativos à cidade de Cianjur e soterrando pelo menos um vilarejo.

O chefe da agência de desastres, Suharyanto, disse a repórteres que mais de 1.000 pessoas ficaram feridas, 58.000 deslocadas e 22.000 casas foram danificadas.

Deslizamentos de terra e terrenos acidentados estavam dificultando os esforços de resgate, segundo Henri Alfiandi, chefe da Agência Nacional de Busca e Resgate (Basarnas).

"O desafio é que a área afetada está espalhada... Além disso, as estradas nessas vilas estão danificadas", disse Alfiandi em entrevista coletiva, acrescentando que mais de 13.000 pessoas foram retiradas.

"Muitas das vítimas são crianças, porque às 13h elas ainda estavam na escola", afirmou ele, referindo-se ao horário do terremoto.

O presidente Joko Widodo viajou para Cianjur na terça-feira para encorajar os socorristas.

"Minha instrução é priorizar a retirada das vítimas que ainda estão presas sob os escombros", disse o presidente.