Mujica visitou Lula na prisão e o viu com bom 'ânimo'

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-presidente do Uruguai José Mujica durante encontro em Santana do Livramento, no Rio Grande do Sul, em 19 de março de 2018

O ex-presidente uruguaio José 'Pepe' Mujica disse que encontrou Lula com um bom "ânimo" e "alguns quilos a menos", após visitá-lo na prisão em Curitiba, onde cumpre uma pena de 12 anos e um mês.

"O encontrei com bom ânimo, bom humor, com alguns quilos a menos e lendo muitos livros. Preocupado, como não poderia deixar de ser, com o destino do Brasil e da nossa América", disse Mujica.

O ex-presidente uruguaio (2010-2015), de 83 anos, disse que o que mais lhe preocupa é "que o povo brasileiro possa canalizar seu futuro, superar suas contradições, não perder a alegria e não cair em uma confrontação dolorosa".

Luiz Inácio Lula da Silva, de 72 anos, recebeu visitas de alguns dirigentes do PT e de familiares, enquanto líderes e personalidades políticas e sociais marcaram presença no acampamento de apoio ao ex-presidente instalado em Curitiba.

"Meu desejo de que o Brasil possa superar seus problemas não é gratuito", afirmou Mujica. "Quando algum vizinho nosso fica resfriado, os uruguaios ficam gripados", comentou.

A visita durou pouco menos de uma hora.