Mulher é morta na zona sul de SP; sogros e cunhado são baleados

·1 minuto de leitura
SÃO PAULO, SP, 03/01/2021 - VIOLÊNCIA-MULHER -  Uma mulher de 26 anos foi morta dentro de casa na noite de sábado (2) no bairro de Cidade Ademar, na zona sul de São Paulo. O irmão e os sogros dela também foram feridos na ocorrência. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), policiais militares foram chamados e encontraram na rua uma mulher de 50 anos que avisou que tinha sido baleada e que sua filha estava dentro de casa ferida. Ela avisou aos policiais ainda que seu ex-marido e seu filho também haviam sido atingidos e já tinham sido socorridos por vizinhos.

A filha foi encontrada pela polícia dentro da casa envolta em sangue. Chegou a ser levada a um hospital, mas não resistiu. (Foto:Rivaldo Gomes/Folhapress)
SÃO PAULO, SP, 03/01/2021 - VIOLÊNCIA-MULHER - Uma mulher de 26 anos foi morta dentro de casa na noite de sábado (2) no bairro de Cidade Ademar, na zona sul de São Paulo. O irmão e os sogros dela também foram feridos na ocorrência. Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), policiais militares foram chamados e encontraram na rua uma mulher de 50 anos que avisou que tinha sido baleada e que sua filha estava dentro de casa ferida. Ela avisou aos policiais ainda que seu ex-marido e seu filho também haviam sido atingidos e já tinham sido socorridos por vizinhos. A filha foi encontrada pela polícia dentro da casa envolta em sangue. Chegou a ser levada a um hospital, mas não resistiu. (Foto:Rivaldo Gomes/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma mulher de 26 anos foi morta dentro de casa na noite de sábado (2) no bairro de Cidade Ademar, na zona sul de São Paulo. O irmão e os sogros dela também foram feridos na ocorrência.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), policiais militares foram chamados e encontraram na rua uma mulher de 50 anos que avisou que tinha sido baleada e que sua filha estava dentro de casa ferida. Ela avisou aos policiais ainda que seu ex-marido e seu filho também haviam sido atingidos e já tinham sido socorridos por vizinhos.

A filha foi encontrada pela polícia dentro da casa envolta em sangue. Chegou a ser levada a um hospital, mas não resistiu.

Ainda segundo a SSP, o irmão da vítima foi encontrado em um hospital da região, baleado na mão. Ele disse aos policiais que o autor dos disparos foi o companheiro da sua irmã.

De acordo com o relato da mãe, após uma briga, o companheiro de sua filha ligou para pedir que ela voltasse à casa do casal, mas ela disse que só faria isso acompanhada dos seus pais para uma conversa.

Quando a família chegou à residência, o homem não estava. Chegou ao local quando eles se preparavam para sair e atirou nos quatro.

O caso foi registrado como feminicídio e tentativa de homicídio. O autor do crime ainda não foi localizado. Seu nome e o das vítimas não foram divulgados.