Mulher é presa por maus-tratos e 60 gatos são resgatados no Rio

Patas de um gato (Foto: Getty Images)
Patas de um gato (Foto: Getty Images)

Sessenta gatos foram resgatados em uma operação conjunta entre a Polícia Civil e a Subsecretaria Estadual de Proteção e Bem-Estar Animal em uma cobertura no Leme, zona Sul do Rio de Janeiro. Segundo o portal Metrópoles, uma mulher foi presa por maus-tratos.

O apartamento, localizado em frente à praia e em uma região nobre da cidade, estava em situação de calamidade por dentro: o local estava sujo e dezenas de gatos se alimentavam das próprias fezes.

Há um mês, de acordo com o portal Metrópoles, um dos gatos chegou a morrer após cair da cobertura. Insatisfeitos com a situação, os vizinhos denunciaram o caso à Subsecretaria Estadual de Proteção e Bem-Estar Animal.

“Essa situação já se tornou um caso de saúde pública, porque ela não alimentava os gatos, e a casa naquela situação de podridão. Para nós que moramos aqui já estava impossível conviver com tudo isso. Se quer ela aceitava nossa ajuda”, disse uma vizinha, que preferiu não se identificar.

Na primeira vez que a secretaria foi até o local, cerca de 28 gatos foram resgatados. Eles também viviam em um local insalubre, com fezes espalhadas para todos os lados, inclusive na cama onde a acusada dormia.

A ação de agora demorou cinco horas para resgatar os 60 gatos, e tiveram a colaboração da associação de moradores do Leme, que doou 700 quilos de ração para os animais que foram resgatados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos