Mulher usa falha em veículo, coloca mão para fora de porta-malas e é salva de sequestro em Fortaleza

·2 minuto de leitura
Mulher é mantida refém em porta-malas de carros em Fortaleza — Foto: Arquivo pessoal/Reprodução G1
Mulher é mantida refém em porta-malas de carros em Fortaleza — Foto: Arquivo pessoal/Reprodução G1

Uma jovem de 19 anos foi salva do porta-malas de um carro depois de ser raptada e torturada por bandidos. Ela conseguiu colocar a mão para fora do veículo em que estava presa no porta-malas ao usar um amassado na trava. As informações são do G1.

O defeito impediu que o homem conseguisse fechar completamente o compartimento. A cena estranha de uma mão para fora do carro chamou a atenção de um motorista que estava próximo do veículo e acionou a Guarda Municipal. O caso surreal aconteceu na última terça-feira (05).

Leia também

Detidos, o grupo que levava a jovem disse à polícia que cometeu o crime por vingança contra um homem que seria namorado da jovem. O suposto companheiro da mulher foi preso horas depois em uma pousada, suspeito de estar envolvido no assassinado de um adolescente em um bar de Fortaleza.

Após ser resgatada, a jovem negou ter relação com o homem detido e disse que ele é apenas um “conhecido". Apresentando apenas ferimentos leves, ela fez exame de corpo de delito e acabou liberada na condição de vítima.

Paulo Martins, coordenador da Guarda Municipal de Fortaleza, disse que a jovem agradeceu demais após o resgate porque ela tinha certeza de que morreria.

"Quando ela viu a viatura [da Guarda Municipal com os agentes que a resgatram], abriu o porta-malas e informou aos agentes que o grupo iria matá-la. Ela nos agradeceu bastante, pois ela tinha total certeza de que naquele dia teria sua vida ceifada", relembra o coordenador da Guarda Municipal ao G1.

Ainda segundo Martins, após ser raptada, a jovem foi levada para um estacionamento e começou a ser agredida. Ao receber os golpes, a mulher começou a gritar, o que chamou a atenção de um funcionário que confirmou ter visto as agressões. Para “tranquilizar” a jovem raptar, os bandidos resolveram trancá-la no porta-malas.