Rússia anuncia que Duma está sob controle das tropas sírias

Moscou, 12 abr (EFE).- O Ministério da Defesa da Rússia anunciou, nesta quinta-feira, que o Exército sírio tomou sob seu controle total Duma, a maior cidade de Ghouta Oriental e último reduto dos rebeldes nos arredores de Damasco.

A nota do ministério acrescenta que "a partir de hoje, atuam na cidade unidades da polícia militar das Forças Armadas da Rússia".

A polícia militar russa, enfatiza o comunicado, é "fiadora da preservação da ordem pública na cidade".

Ao mesmo tempo, continua a retirada de civis e combatentes da cidade de Duma, completaram os militares russos.

"Desde o dia 1º de abril, abandonaram Duma 13.504 milicianos e membros das suas famílias", afirma a nota.

Por outro lado, desde que entraram em vigor as pausas humanitárias em Ghouta Oriental, na região "foram evacuados cerca de 167 mil civis".

A notícia sobre o controle do regime de Damasco sobre Duma ocorre em meio a novas tensões pelo suposto uso de armas químicas na cidade, onde a comunidade internacional responsabiliza o governo sírio.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou ontem que cerca de 500 pessoas foram atendidas em centros médicos de Duma com sintomas de exposição a agentes químicos e que aproximadamente 70 pessoas que estavam em porões morreram por causa do ataque, supostamente ocorrido no último sábado.

A Rússia negou estes dados e afirmou que as acusações de uso de armas químicas em Duma por parte das forças governamentais sírias são uma tentativa de justificar uma intervenção militar no país árabe. EFE