Ex-presidente Carter brinca sobre Trump e diz que reza por ele

Nova York, 31 mar (EFE).- O ex-presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter brincou durante uma entrevista na televisão sobre o atual mandatário do país, Donald Trump, e afirmou que reza por ele.

"Eu rezo para que ele seja um bom presidente", respondeu Carter, de 93 anos, a Stephen Colbert durante seu programa, na noite de sexta-feira, onde foi convidado para divulgar seu novo livro "Faith".

Carter disse que reza para que Trump mantenha o país em paz, evite o uso de armas nucleares e promova os direitos humanos.

E quando perguntado se suas orações são ouvidas, Carter recorreu a uma brincadeira de seu pastor, que lhe garantiu que Deus tem três respostas quando se lhe ora: sim, não e você tem que estar brincando. "Não tenho certeza de qual delas é", admitiu.

Mas em meio à atmosfera descontraída da entrevista, Colbert, que destacou o trabalho do ex-presidente democrata, perguntou a Carter se os EUA querem "uma espécie de imbecil como presidente".

"Aparentemente, desde esta eleição recente, sim. Eu nunca soube disso antes", afirmou o ex-presidente.

Em outubro do ano passado, Trump agradeceu Carter pelos comentários "gentis" que fez sobre ele em entrevista publicada pelo jornal "The New York Times" e onde opinou que a mídia tem sido muito "dura" com o atual chefe de presidente americano. EFE