Mulher trans é assassinada em velório de companheiro em SC

·1 min de leitura
O casal Emerson Ferkrussen Mello Júnior e Sabrina Martins
O casal Emerson Ferkrussen Mello Júnior e Sabrina Martins
  • Uma mulher trans foi assassinada com oito tiros durante o velório do companheiro em Joinville (SC)

  • Sabrina Martins, segundo a PM, tinha passagens por tráfico de drogas, roubo e estelionato

  • O companheiro da mulher também havia sido morto por disparos de arma de fogo

Uma mulher trans foi assassinada durante o velório do companheiro em Joinville (SC). Sabrina Martins, de 36 anos, recebeu oito tiros quando estava na capela.

Segundo informações da Polícia Militar publicadas pelo portal UOL, testemunhas informaram que dois homens entraram no velório e efetuaram os disparos contra Sabrina e fugiram a pé.

Leia também

Sabrina foi encaminhada ao Hospital Municipal São José, mas morreu após dar entrada. A PM informou que Sabrina tinha passagens policiais por tráfico de drogas, roubo e estelionato.

Na noite anterior ao crime, o companheiro de Sabrina, Emerson Ferkrussen Mello Júnior, 23, também foi morto por disparos de arma de fogo.

De acordo com reportagem do portal UOL, uma câmera de monitoramento flagrou o motoboy parando a moto no momento que foi assassinado com mais de 15 tiros à queima-roupa por um homem que o esperava na rua.

Nas redes sociais, Sabrina postou pela última vez na madrugada de ontem justamente com uma foto em luto ao companheiro. "'Tô' sem chão", escreveu ela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos