Multidão vela corpo do papa emérito Bento 16 na Basílica de São Pedro

Velório do papa emérito Bento 16

Por Philip Pullella

CIDADE DO VATICANO (Reuters) - Um fluxo constante de dezenas de milhares de pessoas lotou a Basílica de São Pedro nesta segunda-feira para prestar homenagem ao papa emérito Bento 16 no início do velório antes de seu funeral nesta semana.

Bento 16 morreu no sábado, aos 95 anos, no isolado mosteiro do Vaticano, onde vivia desde sua renúncia em 2013.

"Eu sinto que ele era um avô para nós", disse à Reuters Veronica Siegal, de 16 anos, uma estudante católica do ensino médio de Baton Rouge, no Estado norte-americano de Louisiana, que está em Roma para um programa de estudo religioso, depois de ver o corpo.

A segurança foi reforçada, com os visitantes passando por vários postos de controle antes de entrar na basílica. Muitos pararam para rezar depois de ver o corpo ou ficaram para assistir à missa nas capelas laterais.

A polícia do Vaticano disse que nas primeiras cinco horas, 40.000 pessoas passaram pelo local.

O corpo de Bento 16, com vestes litúrgicas vermelhas e douradas e colocado em um estrado simples, foi levado em procissão pouco antes do amanhecer pelos Jardins do Vaticano, do mosteiro para um local em frente ao altar principal da maior Igreja da Cristandade.

Antes de a Igreja ser aberta ao público, o presidente italiano, Sergio Mattarella, e a primeira-ministra italiana, Georgia Meloni, foram os primeiros visitantes a prestar suas homenagens.

O corpo de Bento ficará no local até quarta-feira à noite. Seu funeral será realizado na quinta-feira na Praça de São Pedro e será presidido pelo papa Francisco. O Vaticano disse que será uma cerimônia simples, solene e sóbria, de acordo com os desejos de Bento 16.

O Vaticano tem rituais minuciosamente elaborados para o que acontece depois que um papa reinante morre, mas nenhum para um papa emérito, então o que acontece nos próximos dias pode se tornar modelo para futuros ex-papas.