Mumuzinho e Jojo fazem campanha por doações para vítimas da chuva no Rio

1 / 2

mumuzinho1.png

O cantor Mumuzinho percorre as ruas de Realengo

Mumuzinho e Jojo Maronttinni também fazem parte do grupo de pessoas que, sensibilizadas com a situação em que ficaram as vítimas das chuvas no Rio, resolveram ajudar na mobilização em busca de doações. O cantor tem ido ao bairro de Realengo, na Zona Oeste — um dos bairros mais afetados pelo temporal —, onde passou a criança e a adolescência. Ele leva mantimentos que consegue recolher e conversa com moradores. Nas redes sociais, posta vídeos desses momentos e aproveita para pedir mais donativos.

 

— É o meu povo. Eu sou de Realengo, tudo que eu conquistei na vida, primeiro eu saí de lá, eu conquistei lá primeiro. Então, a iniciativa de estar com eles neste momento, para mim é o mais importante. Não é porque eu sou famoso, conhecido, que eu tenho que dar dinheiro... nada disso! Vai muito além. É um carinho, um abraço, é estar ali do lado — disse ele.

 

Mumuzinho contou que tem recebido "muitas doações". Segundo ele, a todo momento chegam mantimentos:

— Então eu usei as minhas redes para arrecadar alimentos, água, produtos de limpeza. Tudo que eu mais queria é que as pessoas ajudassem o meu povo de Realengo. Tenho recebido muitas doações, toda hora chega mais alguma coisa, cesta básica, fralda, água. Eu botei a mão na massa e fui. Pegou para eles, pegou para mim. Sempre estarei junto deles.

Em vídeos no Instagram, Mumuzinho mostra a situação das ruas do bairro e divulga o endereço onde as doações devem ser entregues: Rua Alfredo do Vale . Jojo aparece com ele em alguns momentos. Ela também usou seu perfil na rede social para pedir ajuda para as vítimas da chuva.

"Estou indo em Deodoro, já fui em realengo. A gente está indo entregar água. Por favor, gente, a gente precisa de alimento e produtos de higiene. Eu estou com sentimento de tristeza. O que mais me doeu foram os brinquedos das crianças. As pessoas falando "perdi tudo"... Dóis demais. O pior é ver as pessoas que criticam e não ajudam. Quem está errado, quem está certo, a gente não quer saber disso. A gente está precisando de ajuda. Vamos ajudar. A gente está precisando de ajuda. Menos críticas e mais ajuda", disse a cantora num vídeo.