Mumuzinho lança EP romântico, fala da torcida por Camilla de Lucas no 'BBB21' e critica Karol Conká: ‘Tirou meu bom humor’

Naiara Andrade
·3 minuto de leitura

Após um hiato de sete anos sem lançar um álbum completo, Mumuzinho apresentou nesta sexta-feira o EP “Playlist”. São sete canções com que o sambista retoma o seu lado mais romântico.

— Eu vinha embalando minha carreira em músicas mais pra cima, tipo “Eu mereço ser feliz”, na intenção de motivar os brasileiros. Mas agora estou de volta com um disco que fala essencialmente de amor, que é do que a gente precisa nesse mundo — explica o cantor.

Ele acaba de apresentar o clipe de “Um cara apaixonado”, com participação dos amigos do Sorriso Maroto:

— Essa parceria é um marco na história da minha vida. Fiquei tão feliz que eles aceitaram o convite para gravarmos juntos essa música linda! O cara apaixonado da música sou eu, romântico num nível absurdo. A ponto de espalhar pétalas de rosas pelo apartamento. A gente tem que ser carinhoso quando quer conquistar e no dia a dia da relação. Até me arriscar na cozinha pra agradar eu faço (risos)

Mumuzinho promete apresentar um clipe a cada sexta-feira, de todas as faixas do EP. Ainda faltam “Crise”, “1%”, “Flechada certeira”, “Até depois do fim” e “VAR”. Ele diz que todos os vídeos já foram gravados, mas não pode adiantar outras participações especiais. No primeiro, de “Playlist”, lançado em dezembro, o sambista se transformou em uma dona de casa e em um homem barrigudo, à moda Eddie Murphy no filme “Norbit — Uma comédia de peso” (2007). E gravou na companhia da influenciadora digital Camilla de Lucas, atual participante do “BBB21”.

— Essa faixa-título é uma sofrência, mas tem humor, é engraçada. Isso tem a ver comigo. E também com a Camilla. Eu me apaixonei pelo jeito dela. Ela é o Mumuzinho mulher, né? É irreverente e sincera ao mesmo tempo. Tirou onda no clipe, foi maravilhoso! — elogia o artista, que torce pela cria de Nova Iguaçu no reality show global: — Eu acho que ela está se posicionando muito bem nesses primeiros dias. Ainda está muito no início, não dá para saber se ela vai até a final, mas tem a minha torcida. Também gosto muito do Projota e do Lucas Penteado.

Ativo nas redes sociais, o cantor tem se posicionado claramente a respeito do jogo. No último dia 1º, publicou um tweet comentando a postura de Karol Conká: “Eu já sabia da cobra”, escreveu, usando um emoji do réptil.

— Foi só pra colocar uma pimenta, porque estava todo mundo falando sobre ela. Eu a conheci no “Esquenta”, a gente não teve nenhuma aproximação. O que eu publiquei ali foi a minha percepção das falas dela. Ela é muito “eu sou, eu faço”. Quis demonstrar a minha indignação. Ela tirou o meu bom humor — explica ele, que sai em defesa de Lucas: — É um menino do bem, que passou por vários traumas. Ninguém merece ouvir o que ele ouviu dela. Ele deu uma viajada, mas vale como experiência nova na vida. Ele merece perdão. Até a Karol merece, se ela realmente se arrepende. Quem sou eu pra julgar?

Mumuzinho, que faz parte do elenco de um outro reality da Globo, o “The voice+”, diz que virou fiel telespectador do “Big Brother Brasil 21” também por tudo o que está sendo debatido dentro da casa.

— Não tem como fechar os olhos para as coisas que a gente está vendo acontecerem lá. As atitudes da Karol não condizem com a forma de pensar das pessoas humildes, da galera que veio de baixo, batalhou à beça, que mereceu a oportunidade de estar na TV. Eu não conheço a Karol, não sou amigo dela, a gente não tem nenhuma relação. Mas eu não consigo acreditar que ela seja assim. Fico indignado. Ela não condiz com o brasileiro, que é humilde, guerreiro. Essa pessoa não tem nada a ver com o meu povo — critica, completando: — Eu, que estou no “The voice+”, uma das maiores audiências da Globo, não posso me permitir ter atitudes assim. Que minha mãe me puxe a orelha e me bote de castigo.