'Muro dos Nomes' homenageia vítimas judias do nazismo na Áustria

A Áustria inaugurou no centro de Viena, nesta terça-feira, um memorial aos 64.450 judeus austríacos assassinados pelos nazistas. De acordo com o chanceler conservador Alexander Schallenberg, este é um símbolo de que o país reconhece as 'páginas mais sombrias da história' do país e 'aceita sua responsabilidade'.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos