Musk diz que ia comprar Manchester United, mas era 'brincadeira'

O homem mais rico do mundo brincou nas redes sociais sobre comprar o time (Getty Image)
O homem mais rico do mundo brincou nas redes sociais sobre comprar o time (Getty Image)
  • Pronunciamento de Musk no Twitter gerou especulações

  • Bilionário desmentiu informação logo depois

  • Ele também desistiu da compra da rede social que usou para fazer a publicação

O homem mais rico do mundo gerou mais reboliço e especulações após uma postagem no Twitter. Dessa vez, Elon Musk publicou uma postagem dizendo que compraria o Manchester United.

"E vou comprar o Manchester United, de nada". tuitou o bilionário. Após ter quase 500.000 curtidas em algumas horas e receber perguntas de diversos seguidores, Musk fez outra publicação dizendo que isso era uma piada.

"Não, é uma velha piada no Twitter. Não estou comprando nenhum clube esportivo", respondeu a um seguidor. "Mas, se existisse algum time, seria o Manchester United. Era o meu time favorito na infância", justificou.

O empresário recentemente vendeu quase US$ 7 bilhões em ações da Tesla. Ele está no meio de uma batalha legal com o Twitter após dizer que compraria a rede social e desistir da aquisição um pouco depois. A empresa está processando o bilionário por não ter concluído a operação que prometeu realizar.

E o Manchester United?

Atualmente, o Manchester United é um dos maiores clubes do mundo. No entanto, está em crise há bastante tempo. A instituição está cotada na Bolsa de Nova York há 10 anos, com uma capitalização de US$ 2,08 bilhões.

A gestão da família Glazer foi alvo de diversos protestos dos torcedores do clube em abril de 2021, quando a diretoria do time tentou colocar em prática um plano separatista da Superliga Europeia.

O time não se pronunciou sobre a brincadeira e Elon Musk.