Não há outro caminho aceitável que não a democracia, diz Pacheco

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, durante sessão da Casa em Brasília
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Senado e do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou nesta sexta-feira que a democracia é a única maneira de conquistar uma convivência harmônica e o único caminho aceitável.

A declaração do parlamentar, a mais recente de uma série de comentários que fez nesta mesma linha, ocorre justamente em um momento em que o sistema eleitoral do país e as urnas eletrônicas têm sido alvos de ataques e questionamentos por parte do presidente Jair Bolsonaro e de seus apoiadores.

"É inacreditável que em 2022, com todos os problemas que temos no país, ainda seja necessário defender a democracia dos diversos ataques", publicou o presidente do Senado no Twitter.

"A democracia é a única forma de convivemos de forma harmônica e avançarmos como nação. Não há outro caminho aceitável."

O sistema eletrônico de votação tem sido alvo preferencial de Bolsonaro, apoiadores do presidente e militares que alinhados a ele. Em diversas ocasiões, o presidente lança dúvidas, sem apresentar fundamentos ou evidências, a respeito da lisura das votações, da segurança do sistema e da possibilidade de auditagem, gerando um clima de tensão com o Judiciário.

Nesse contexto, ainda em 2021, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) criou uma comissão de transparência das eleições e convidou as Forças Armadas a participarem do grupo, que também conta com representantes de entidades e do Congresso Nacional.

Isso não foi suficiente, no entanto, para evitar embates, que passaram a envolver mais diretamente autoridades das Forças Armadas, como o ministro da Defesa, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos