‘Não preciso de GPS’: o caminhoneiro de 90 anos que pode entrar para o Guinness

Brian Wilson no volante
Brian Wilson tem 90 anos — mais de 70 deles na estrada

Aos 90 anos de idade, o britânico Brian Wilson é, sem dúvida, um dos motoristas de caminhão mais velhos do mundo. Depois de mais de 70 anos na estrada, ele ainda não tem planos de puxar o freio de mão. Brian Wilson não liga para o GPS. Ele possui um atlas rodoviário que "tem cerca de 40 anos" e fica guardado no porta-malas do veículo.

"Eu não preciso de navegação por satélite ou mapa", diz Brian, em entrevista feita em um pátio em Sheffield, na Inglaterra.

"Está tudo aqui", diz apontando para a cabeça.

Estamos sentados na cabine do caminhão de Brian, de 1993. O veículo se destaca em meio aos modernos caminhões Scania enfileirados no pátio.

A marcha é remendada com fita adesiva, o estofamento já viu dias melhores e há um cheiro de tabaco. Mas, como ele, tudo continua seguindo em frente.

De acordo com o Guinness World Records, o titular masculino de uma permissão para transporte de carga pesada mais velho é Jack Fisher, do Reino Unido, com 88 anos e quatro dias — o que foi registrado em 27 de janeiro de 2021.

Brian foi convidado a reivindicar um novo recorde, apresentando provas de idade e de ocupação. Mas ele não se animou muito.

"Eu realmente não penso sobre isso", diz ele. "Eu apenas saio para trabalhar."

Foto mostra caminhão de Brian de frente, e ele no volante
O britânico gosta de manter seu caminhão de 1993, mesmo com veículos muito mais modernos ao seu redor

Um maço de 20 cigarros, um isqueiro, uma cópia do jornal Daily Mirror e trapos ocupam o espaço entre os nossos assentos.

"Fico inquieto quando não estou trabalhando", ele conta.

Brian me mostra algumas fotos, enquanto fazemos uma viagem pela sua história — de soldado de rosto jovial a nonagenário.

Há uma imagem dele de férias. Ele está sentado em uma mesa, lendo um jornal. Não parece um homem de férias.

"Com dois ou três dias sem trabalhar, sem fazer nada, eu já fico farto", diz Brian. "Tenho que estar fazendo alguma coisa. Eu sempre quero voltar ao trabalho."

No ramo do transporte, ele é conhecido como alguém "original". Enquanto alguns confiam em correias de catraca para segurar a carga, Brian prefere a maneira antiga, usando cordas e tecidos.

É uma arte moribunda, diz ele.

Brian lembra do tio, que o ensinou a dirigir aos 16 anos. Ter servido no Exército na década de 1950 — transportando cargas das forças americanas na Alemanha — sem dúvida também ajudou em suas habilidades.

Na década de 1960, após um período fazendo entregas de combustíveis para a Esso, Brian ingressou na empresa de transporte de seu pai Edward, a E. Wilson & Son.

Hoje, Brian é dono do negócio da família, transportando principalmente molas de aço.

"Toda quinta-feira, eu acordo às 4h, pronto para sair de casa às 5h15."

Brian é um homem de poucas palavras, mas sua postura suaviza quando falamos do seu casamento, após eu notar sua aliança.

"Estamos casados há 67 anos", diz ele, sorrindo. "Eu tinha 15 anos quando Mavis e eu nos conhecemos em uma feira em Attercliffe."

Ele me mostra uma fotografia do casal tirada nas bodas de rubi.

"Ela ainda cuida de todos nós", diz ele.

Recordistas de longa data

  • O piloto comercial com mais idade já registrado foi Jun Takahashi (Japão, nascido em 8 de outubro de 1922), que em 5 de março de 2014, aos 91 anos, ainda pilotava planadores no aeródromo de Fujikawa, em Shizuoka, Japão.

  • A carreira mais longa de um funcionário dos correios registrada foi de 53 anos e 48 dias, alcançada por Takashi Miyaoka. Ele trabalhou em um agência em Tóquio, Japão, de 9 de agosto de 1958 a 26 de setembro de 2011.

  • O médico em exercício mais velho já encontrado foi Howard Tucker (EUA, nascido em 10 de julho de 1922), que tinha 98 anos e 231 dias em uma verificação em 26 de fevereiro de 2021 no Estado de Ohio, EUA.

  • A pessoa mais velha viva é Lucile Randon (França, nascida em 11 de fevereiro de 1904), que em 25 de abril desse ano tinha 118 anos e 73 dias.

  • A piloto de corrida mais velha já registrada foi Jeannie Reiman (nascida na Nova Zelândia, 19 de abril de 1913). Ela competiu na corrida Canadian Vintage Modified's 10 lap Powder Puff aos 90 anos e 106 dias, em 3 de agosto de 2003, no Canadá.

Fonte: Guinness World Records

Brian pode estar seguindo os passos da mãe, Gertrude, que viveu até os 102 anos.

O caminhoneiro tem consultas médicas periódicas e faz uma bateria de exames anualmente. Se seu médico assim permitir, ele pretende trabalhar por pelo menos mais um ano antes de pensar em se aposentar.

"Também depende de como minha esposa estará", acrescenta.

Brian reconhece que, para algumas pessoas, sua idade já é avançada demais para dirigir um carro — e mais ainda um caminhão.

"Eu sei, eu sei", diz ele, olhando pela janela. "Mas eu vou saber quando for a hora."

"Que venham as apostas sobre quem vai se aposentar primeiro: eu ou o caminhão", brinca.

- Este texto foi publicado em https://www.bbc.com/portuguese/geral-63605468