'Não vou mergulhar por você': policiais são afastados por negar ajuda a sem-teto que se afogava

Imagens obtidas com a câmera aclopada ao corpo dos policiais mostram os oficiais interagindo com Sean Bickings antes de ele entrar no lago Tempe Town
Imagens obtidas com a câmera aclopada ao corpo dos policiais mostram os oficiais interagindo com Sean Bickings antes de ele entrar no lago Tempe Town

Três policiais no Estado americano do Arizona foram afastados depois de negarem socorro a um sem-teto que se afogou no mês passado.

Imagens e transcrições das câmeras acopladas ao corpo dos policiais mostram o homem, Sean Bickings, de 34 anos, entrando no lago Tempe Town, na cidade de Tempe, e avisando aos oficiais que "ia se afogar".

Mas nenhum dos policiais no local interveio para salvá-lo. Um deles foi gravado dizendo: "Eu não vou pular atrás de você".

Bickings logo submergiu na água e mais tarde foi dado como morto.

Descrevendo-o como "um membro fragilizado da comunidade de Tempe", as autoridades da cidade classificaram sua morte como uma "tragédia".

O incidente ocorreu depois das 05h locais (09h de Brasília) de 28 de maio, quando os policiais responderam a uma chamada sobre uma suposta briga entre o homem e sua companheira no centro da cidade.

De acordo com o comunicado divulgado pela administração da cidade, o casal "colaborou totalmente e negou que qualquer desentendimento físico tenha ocorrido".

No entanto, as imagens da polícia mostraram que, enquanto os policiais verificavam os nomes do casal em busca de mandados de prisão pendentes, Bickings escalou uma cerca de metal que dividia o calçadão do lago e entrou na água.

Ele disse aos policiais que estava indo "dar um mergulho", entrou e nadou em direção a uma ponte, mesmo depois que eles o informaram que não era permitido nadar no local.

O vídeo de 12 minutos termina nesse momento, com uma mensagem dizendo que foi interrompido "devido à natureza sensível da parte restante da gravação".

Mas a cidade forneceu uma transcrição do restante da conversa, na qual Bickings disse repetidamente que estava à beira de se afogar e precisava ser salvo.

A transcrição também mostrou que os policiais tentaram acalmar a companheira de Bickings enquanto ela ficava cada vez mais nervosa, dizendo que iriam pegar um barco.

A certa altura, ela gritou: "Ele está se afogando bem na sua frente e você não vai ajudar".

Bickings não emergiu da água.

Os três policiais envolvidos no incidente não foram identificados publicamente.

Eles estão em "licença administrativa remunerada não disciplinar", pois suas ações estão sendo examinadas pelo Departamento de Segurança Pública do Arizona e pelo departamento de polícia da cidade vizinha de Tampe, Scottsdale.

Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos