Número 3 do governo chinês visitará a Rússia na próxima semana

O chefe do poder Legislativo chinês, Li Zhanshu, viajará para a Rússia na próxima semana, disse a mídia estatal neste domingo, naquela que será a visita de mais alto nível de um representante chinês à Rússia desde o início da invasão da Ucrânia em fevereiro.

Li, que ocupa a terceira posição no ranking do poder chinês, fará visitas oficiais à Rússia, Mongólia, Nepal e Coreia do Sul da próxima quarta-feira até 17 de setembro, segundo a agência oficial chinesa Xinhua.

Na Rússia, ele participará do fórum econômico marcado para segunda-feira e durante quatro dias na cidade de Vladivostok, no extremo leste do país, informou a Xinhua.

Pequim e Moscou se aproximaram nos últimos anos a ponto de estabelecer uma relação "sem limites", que busca sobrepor-se à influência global dos Estados Unidos.

Ao mesmo tempo, a tensão entre a China e o Ocidente cresceu devido à recusa de Pequim em condenar a invasão russa da Ucrânia. A China também criticou os países ocidentais por impor sanções a Moscou e enviar armas para a Ucrânia.

mjw/dhc/avl/me/aa