Número de testes positivos para Covid em farmácias cai 30% em novembro

·1 min de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.09.2021 - Teste para detecção da Covid-19 no shopping Frei Caneca, em São Paulo. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.09.2021 - Teste para detecção da Covid-19 no shopping Frei Caneca, em São Paulo. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em declínio desde março, os testes positivos para Covid-19 em farmácias caíram 30% em novembro em relação ao mês anterior, segundo a Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias).

Foram 37,9 mil diagnósticos, em comparação com 53,9 mil em outubro. O porcentual de resultados positivos sobre o total de atendimentos caiu de 10,6% para 9% na mesma base de comparação.

Os primeiros resultados coletados em dezembro indicam que a tendência de queda deve se manter. Dos 95,6 mil testes feitos até o dia 5 deste mês, cerca de 8.600 foram positivos, afirma a entidade.

Desde que o serviço começou a ser oferecido, em abril do ano passado, as farmácias realizaram mais de 12 milhões de exames rápidos, incluindo testes para antígenos e anticorpos e do tipo PCR.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos